quarta-feira, 24 de outubro de 2007

No Livro de Minha Vida


No livro de minha vida
Escreverei poesias...
Sentimentos e emoções!

Longa é a estrada da vida
Com a esperança caminharei!

Escreverei a vida...
Em versos e poesias
Sei que assim me encontrarei!

Por entre a noite escura
Na madrugada vazia
Na lembrança...
A despedida...
Na despedida...
A saudade...
De tempos que já se foram
E não voltam nunca mais!

A cada dia que nasce...
Procurarei com vigor,
Escrever o meu momento...
Poetizar meu viver!

Seja ele sofrimento...
Ou grande satisfação!
Seja qualquer momento...
Que me inspire contemplação!

Vou trocar o entendimento
Por pura compreensão...
Vou buscar andar no tempo
Para não ficar pra traz...

Vou seguir sem desalento
Porque o meu maior alento
É lutar e ser capaz!

5 comentários:

Aldemirar disse...

Bom, Poesia?! Oh... Quanto a mim, não se comenta, aldemira-se, frui-se e, se for caso disso, eleva-se em:

http://aldemirar.com.sapo.pt

Lusas saudações
António Torre da Guia
Porto - Portugal

Magroalmeida disse...

Olá Mira
Cheguei até aqui através do site Dominio Cultural, no qual participo como colunista. Gostei do seu Blog e , principalmente, das suas poesias. Visite o meu Blog (http:\\www.magroalmeida.blogspot.com). Está em fase de ajustes mas já pode ser acessado. Caso você não se importe linkarei seu Blog ao meu. Ok?
Abraços! Continue escrevendo suas belas poesias. Voltarei.

isabel disse...

Minha amiga linda...como vc tem um dom maravilhosos...o de usar os pensamentos em poesias...lindo lindo...e sabendo expo-los neh!!
muito maravilhosos!! parabens pelo blog!
adorei...espero que tenha sempre coisas noas por aqui pra eu vir dar uma olhadinha..
mil beijos!!!

isabel disse...

o último comentario foi meu..belzinha do rio...esqueci de deixar o nome..hehehhe..

Emmanuel disse...

Agradeço a sua visita no Recanto no meu cantinho, estarei sempre por perto, se vc permitir, é lógico.

Estou lendo vc aos poucos e, estou gostando muito, mesmo.

Abraços

Emmanuel Almeida