segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Amor Platônico


Queria ter a magnitude
Nas palavras
Para conquistar tua alma
Conquistar todo teu ser!

Queria te envolver
Em meus braços
E em teus braços
Deixar-me envolver!

Queria ouvir teu segredo
O mais intimo de teu ser
E falar de meu segredo...
Sonho que me faz te querer!

Queria cantar-te baixinho
A mais doce melodia
Em troca queria ouvir
A tua suave voz!

Queria sentir tua pele
Sentir o toque de teu ser
Embriagar-me de desejo
Queria realizar meu querer!

Queria dizer-te te amo
E em troca por caridade
Escutar-te me dizer...
Eu amo você!

Mas... Meu amor platônico
Conforma-se...
Por não poder
Realizar meu querer!

Já o tenho no mais intimo de meu Ser
Sou feliz porque sou divino...
Amo amar você!

Um comentário:

fabiano Silmes disse...

O amor de forma mais intensa... amor que vive e morre em silêncio ou se deixa em poesia.