sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Reflexão


O fim de mais um ano chegou
Momento de pura reflexão...
O homem avalia as etapas vividas
No decorrer de mais uma jornada de vida!

Avaliando um período
De 365 dias...
Reflete sobre seus fracassos
E conquistas!
Reflete o tempo que perdeu
E o tempo que ganhou!

O que poderia ter sido diferente!
O que poderia ter sido pior!
E o que poderia ter sido melhor!

Absorve mais uma experiência
Que certamente materializa-se
Em uma maturidade intima!

Meditando sobre a vida
O homem olha para o passado
Retorna sua postura
E segue caminhando no presente
Em direção a um futuro promissor!

O futuro onde está
O horizonte mais perfeito!
Que o causa
Tamanha esperança!
Consequentemente
Força de vontade
Para seguir adiante!

Ah se não fosse à esperança
Esta que nos faz crer!
Acreditar que podemos realizar
A cada dia coisas novas!
Que se pode ser mais feliz
E um ser humano melhor!

Doce esperança...
Que se faz companheira e amiga
E nos ensina a trilhar...
Com a virtude da perseverança!

Lembranças dos que se foram
Dos que partiram deste mundo
Deixando no peito a saudade...
E uma profunda dor!
Porque a morte...
Também faz parte do viver!

Ah se não fosse à tristeza
Não existia alegria!
Ah se não fosse à saudade
Não existia a lembrança
De alguém que fez parte
De nossa vida em momento
De alegria ou dor!
Ah se não fosse à dor
Não existiria o alívio!

E se não fosse esta vida
Cheias de encontro e despedidas!
A vida seria vazia...
Assim não teria sentido viver!

Agradece o homem sensato
Pelo pão de cada dia
Pelo bem que encontrou
Pelo tanto que sofreu
E pelo tanto de alegria
Que viveu!

Agradece o homem sensato
Pela vida que Deus lhe deu!
Por mais um ano de vida
Que findou!
E por tudo o que acreditou!

E nesta reflexão intima
De cada ser!
É necessário compreender
Que a vida vale à pena
Ser vivida intensamente
Seja na alegria ou na dor!

Agradece o homem sensato
Agradece mais uma vez!
Pela esperança que não perdeu...
Pela esperança que não morreu...
Pela esperança que sobreviveu!